Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

diasdechocolate

diasdechocolate

Lema da (minha) vida

Este podia muito bem ser o meu lema de vida. Não é que me orgulhe mas tenho alguma dificuldade em organizar-me. Bem, digo alguma para não dizer muita porque sou, efectivamente, a pessoa mais desorganizada que conheço. No geral, com tudo e desde sempre! São as cartas, os livros, a caixa dos óculos, a pen (já tive umas quinhentas e perco-as todas), o comando do portão e tantas outras coisas que engrossam dramaticamente esta lista (e me fariam sentir humilhada neste blogomundo)!

As pessoas mais organizadas devem estar a abanar a cabeça e a pensar como é que eu não me consigo organizar no meu pequeno mundo (nada que os meus pais também não façam), entre as cartas do meu queridíssimo ministério das Finanças, os avisos de recepção que recebo dos CTT pelas candidaturas que me farto de enviar ou a papelada inerente ao meu recente trabalho (que não é assim tão pouca). Mas espantem-se porque isto é só uma amostra porque ainda me sobra tempo para perder de vista o meu telemóvel, a chave do carro ou de casa (que normalmente me falham quando estou cheiiiia de pressa para sair)! Já tentei milhões de vezes corrigir esta falha gravíssima (que me impede, claramente, de ser a mulher que todas as mães sonham para os seus mal-habituados filhos) só que vem sempre um dia em que tenho menos vontade tempo e lá volta o caos ao meu quarto. É ver roupa, dossiers e papelada em cima da secretaria à espera de ordem (nem falo do armário) e a minha mãe pertinho de um ataque de nervos. Não adianta explicar-lhe que tudo será arrumado quando me apetecer sentir motivada a fazê-lo (quem nunca teve aqueles ataques súbitos arrumação que se acuse) mas eu preciso de sentir as consequências da desorganização na pele!

 

1 comentário

Comentar post