Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

diasdechocolate

diasdechocolate

Valorizar (-se)

Cada vez mais penso nisto: valorizar. Valorizar-me, valorizar os meus e as minhas bençãos diárias. Preocupar-me em viver melhor comigo e com os meus. Com aqueles que me fortalecem e me enriquecem, com aqueles que não se importam de me ouvir, mesmo dizendo coisas sem interesse algum! Atenuar o que não é tão bom, o que não se identifica com o meu estilo de vida, com o meu pensamento, com os meus valores. E, no mesmo sentido, contribuir para que as minhas pessoas vivam melhor, mais felizes e mais saudáveis! Há pessoas tóxicas (demasiadas, infelizmente) que se preocupam demasiado com a vida dos outros. Melhor dizendo, preocupam-se demasiado em atrapalhar a vida e difamar os outros. Coitados! Se soubessem o quão miseráveis são por isso nem a boca abriam, nem de casa saiam. Infelizmente, têm audição para continuarem dia após dia a destilarem veneno, acreditando que dessa forma se engrandecem, se tornam melhores do que esses outros. Ouvi, um dia, que alguém que reluz é sempre alvo preferido dos que não suportam a luz de alguém. Porque não brilham, porque não se esforçam por alcançar essa luz e acham que, por isso, ninguém pode brilhar. São pobres (ainda que com muito dinheiro), são tristes (ainda que sorriam), são falsos (ainda que apregoem muito a verdade). E, claro, têm demasiado tempo livre. Podiam investi-lo em si, nos seus conhecimentos, na melhoria da vida de alguém! Desperdiçam a vida a (tentar) estragar os dias dos outros. Se fossem importantes, ainda era capaz de lhes dizer que o ódio e a raiva que transmitem só enriquece quem tentam inferiorizar! Acredito "as voltas que a vida dá" equilibrem a vida daqueles que lutam e fazem o bem e ignorem os que só querem importunar! A vida é tão melhor quando ajudamos os outros, quando alcançamos os nossos objetivos, quando somos felizes. Para quê perder tempo com com coisas sem importância nenhuma?!